27 de ago de 2011

[MÚSICA]:ASESINO

Image and video hosting by TinyPic
Asesino é uma banda mexicana/estadunidense de deathgrind.Ela é formada pelo guitarrista Dino Cazares(asesino),das bandas Fear Factory,Divine Heresy,ex-Brujeria.A banda faz um som pesado muito bem feito,misturando o death metal com o grindcore,e as letras das músicas são em espanhol(seguindo sua antecessora Brujeria).A banda era um projeto paralelo da banda Brujeria,mas com o passar do temo ela se tornou uma banda de fato.Com dois albuns lançados,Asesino é uma das melhores banda de metal extremo do mundo.Como acontece com o Brujeria,você não deve levar a sério o que as letras dizem,só zoeira.

CORRIDOS DE MUERTE 
Image and video hosting by TinyPic
Corridos de Muerte é o primeiro álbum da banda mexicana de deathgrind, Asesino, lançado originalmente em 2002 e relançado em 2005 com um DVD bônus.O primeiro álbum da banda tinha muitas características da banda Brujeria,já que este álbum fazia parte de um projeto da banda Brujeria em que cada integrante lançaria um ábum solo,e assim foi feito,o integrante Asesino(Dino Cazares) lançou este álbum.Muito bom o álbum,uma mistura de hardcore com grindcore.

CRISTO SATÁNICO
Image and video hosting by TinyPic
Cristo Satánico é o segundo álbum da banda mexicana de deathgrind, Asesino, lançado em 2006. É o estréia do baterista El Sadístico na banda. Contém a participação de Jamey Hasta do Hatebreed e Andreas Kisser do Sepultura (ambos com a alcunha de "El Odio" e "Sepulculo"), fazendo uma participação no álbum.O álbum é fuderoso,depois de Dino Cazares sair do Brujeria,ele deu uma nova roupagem para o som do Asesino,e ficou um som super pesado,extremo e os vocais guturais perfeitos.As letras do álbum estão cheia de putaria,humor negro,perversão,satanismo,morte,machismo,misóginia,tanto que no começo do álbum há um aviso em espanhol dizendo:
'Atención,
el disco que van a escuchar,
es la historia de eventos,
de horror, muerte, violación, satanismo y marranismo...
escuchenlo a su riesgo.'

Ótimo álbum .

REGRESANDO ODIO

SITE:

Nenhum comentário:

Postar um comentário